Encontro Aberto da Acerva Paulista – Santos

AcervA Paulista nas areias de Santos
Olha a turma ai….coisa linda!!!!!!!!

Em uma palavra : HISTÓRICO!!!!!!

Para nós o melhor encontro da Acerva Paulista….o calendário 2010 da Acerva foi inaugurado com o pé direito e mais….fizemos cerveja nas areias de Santos, isso mesmo, na areia. Algo nós diz que “nunca antes na história desse país” isso foi feito. Mais de 100 pessoas circularam pela barraca da Acerva Paulista, montada na praia do Boqueirão em Santos. Foi uma tarde especial, sem chuva (obrigado aos Deuses da Cerveja) e com muito calor, tudo funcionou conforme o planejado…revemos vários amigos e de novo, fizemos outros tantos. É prazeroso ver tanta gente, de lugares, religião, time de futebol e por ai vai tão diferentes em extrema harmonia, passando horas e horas conversando e se divertido…isso é o que tem acontecido em 100% dos encontros da Acerva Paulista, uma verdadeira família.

De chapéu o Afonso Landini que resolveu homenagear um certo Lama que só usa chapéu
Parte da turma na barraca da Acerva

Muito cerveja caseira e artesanal, eram 5 “tap´s” (Bamberg weisen, Bamberg Munch, Bamberg Rauch, Montana Pilsen e Lamas Franksweisen) e uma infinidade de cervejas de sócios da Acerva, Magnus Prime Beer, Daniel e sua wit de Campinas, a bitter do Fabão, uma fantástica steam beer da turma da Conscerva (do Giba e do Edwar) e a maravilhosa pumpinkg Ale do Marcos Arnus, uma cerjeva de abóbora e muitas especiarias….uma iguaria. E outras tantas, que como sempre, esquecemos :).

nos bastidores!!

Puxando um pouco a sardinha, a nossa Franksweisen devia estar bem bacana, servimos ela “on tap” e não durou nada 🙂 .E o nome é porque trata-se de uma cerveja de trigo bem básica, mas com toques de maltes caramelizados. Mas dividimos ela em dois lotes de  fermentos (liquido e em pó), e depois de pronta juntamos novamente ela no barril … experiência maluca que funcionou…mas isso fica pra outro post.

Daniel, Elso e Paolo (homebrewer italiano) o mais novo brasileiro da area 🙂 e o fim Franksweisen. Da pra ver o malte moído do lado

A Franksweissen saiu até no Jorna A Tribuna. “Encorpada, forte e muito saborosa, com uma espuma que mais parece um creme de nuvem…”

Na areia fizemos uma cerveja de  trigo a lá witbier, com insumos geltimente cedidos pelo Afonso da A Turma , 3kg de malte pilsen mais 2kg de trigo em uma rampa única de 68ºC, 15g de galena no início da fervura (60 minutos) e também demos uma temperada com 5g de sementes de coentro nos minutinhos finais. O fermento ficou por conta do wb-06.  Se as betaromicias praianas de Santos deixarem a Sacharomicea Cervisia trabalhar sozinha 🙂 , na inauguração da sede da Acerva Paulista no dia 26 de fevereiro no Bar Brejas em Campinas, beberemos ela. Hoje pela manhã a fermentação estava a toda já, o vídeo está no post dos amigos da Conscerva.

Olha a estrela do dia

Recirculando o mosto…será que estava quente??

Nesse encontro tivemos a presença do grande amigo e um dos  principais nomes da beerenvagelização brasileira, Mauricio Betramelli do site Brejas e dono do Bar Brejas. Ele foi convidado para “profissionalizar” o TV Brejas do site Brejas e torna-lá um programa maior e de grande abrangência…mais detalhes ele dará no futuro no seu site…o bacana que ele e sua equipe de produção acompanharam todo o encontro e todo o processo de brassagem e mais…tentaram beerenvangelizar os frequentadores da praia, foi divertido ver a reação dos bebedores de lagers comerciais provarem as cervejas caseiras e artesanais disponíveis no encontro, e para nossa surpresa, 100% de aprovação..sério..100%!

Mauricio com sua equipe de produção…quase um BBB 🙂

Empogaldos com o lance da beerenvangelização na praia os Lamas resolveram aceitar um desafio maior….oferecer boas cervejas a bebedores…digamos, mais raízes…

…primeira tentativa : falhamos 🙂 nosso amigo ai, estava mais interessado em outra coisa (reparem na mão dele)
segunda tentativa : falhamos de novo :). Esse amigo ai não gosta de bebidas “fracas” :).Resumindo, vamos deixar a beerenvangelização para os profissionais :)…

Na noite de sábado fomos conhecer a Pizzaria 7ª Avenida com um cardápio de 107 pizzas e mais de 180 rótulos de cerveja…lugar muito bacana e parada imperdível para quem for em Santos. E mais, sócios Acerva Paulista tem desconto de 15% na conta.

Balcão da 7ª Avenida com parte das cervejas oferecidas.

No dia seguinte (domingo) fomos visitar a  Cervejaria Montana no Guarujá.O Cesar dono da Cervejaria estava nos esperando com os copos cheios…passamos alguns momentos com ele. Simpático e super hospitalerio nos mostrou toda sua cozinha e conversamos bastante sobre o atual mercado da cerveja artesanal e as perspectivas futuras. Ele esta no ramo há mais de 10 anos.  A Montana ficava em Poços de Caldas e há 3 anos esta no Guarujá. Devido a uma parceira com uma pizzaria local, ele montou sua cervejaria junto com a pizzaria.

Giba (conscerva), Elso(Lamas), David (Lamas), Cesar (Montana) e Chico (Lamas) na sala de brassagem

Cesar, David e Edwar (conscerva)…papo rolando no lounge da fábrica.

Esse belo encontro não seria possível sem a devida ajuda de todos os Sócios presentes que ajudaram de um modo geral na hora da brassagem, mas gostaríamos de deixar registrado alguns  agradecimentos:
A Cervejaria Bamberg e em especial ao Alexandre;
Ao Rudolf por ter sofrido pra trazer os barris da Bamberg de Sorocaba para Santos;
Ao Afonso e a Priscila da Turma pelos insumos usados na brassagem;
A On Trade Importadora  pelas Weihenstephans e  Eik Bier;
A Cervejaria Montana por ter cedido seu chope pilsen para nós;
A Pizzaria 7ª Avenida pela patrocínio da barraca que nos acolheu;
Ao Nikima e o Marcos da cervejaria Colorado, que cederam algumas Indicas pra nós, mas que infelizmente não chegram a tempo;
Ao Christoph por te ajudado na venda de 100%¨dos copos da Acerva Paulista;
Ao Mauricio do Brejas que compareceu com a equipe do TV Brejas para cobrir o evento;
E um especial agradecimento aos sócios Giba e Edwar por terem se virado do avesso para fazer esse encontro entrar para a história da Acerva Paulista e senão do movimento homebrewer brasileiro;

E para encerrar…um momento Lama 🙂 :

Lamas em Santos 🙂
Vc tem problemas na carbonatação de sua cerveja? seu problemas acabaram : nova modalidade olímpica, Lançando de Postmix ao Mar!

Mais fotos em :
Picasa do Lamas
Picasa Lama Elso
Mais Notícias em:
Conscerva
Tribuna

8 Responses to Encontro Aberto da Acerva Paulista – Santos

  1. Botto disse:

    Parabéns, pessoal. O evento, pelo visto, foi um grande sucesso, e o primeiro de muitos que virão aí em sampa. Gostei da nova modalidade olímpica. Abraços, Botto

  2. Valeu Botto…agora queremos vc aqui em Campinas em algum evento nosso hein! Dia 26 de fevereiro vai rolar a inauguração oficial da Sede 🙂

    Abração
    David

  3. Parabéns a Acerva Paulista, evento histórico.

  4. Obrigado Alexandre pelo apoio no evento!
    Abração
    CPaulo

  5. Daniel disse:

    Se todo encontro for assim vou ter que arrumar um fígado novo.hehehe

    Valeu galera.

  6. Parabéns ao movimento, parabéns a modalidade olipica aliais qual era a cerveja do postmix olímpico?
    Legal….
    Samuel bodebrown
    Curitiba

  7. Valeu pela força Samuel (a bodebrown esta na minha listinha de visita obrigatoria quando por pra Curitiba).

    Naquela altura do campeonato…so com o postmix vazio conseguiramos levar ele tao alto hehehhee

    Abração
    David

  8. Jáááárdel disse:

    eu vou largar o vício da bebida agora…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *